Apostas para o Globo de Ouro

Meryl Streep, a queridinha desse blog, rumo ao seu sétimo Globo de Ouro.

Melhor filme drama: É até meio óbvio que Avatar será o vencedor nessa categoria. Todo mundo viu, todo mundo gostou, todo mundo venera. Já é a segunda maior bilheteria da história e ainda tem apelo comercial – o que conta para o Globo de Ouro, que costuma ser bem “popular”. Caso dê uma louca nos votantes, quem vence é Amor Sem Escalas, o mais “queridinho” entre os críticos.

Melhor filme comédia/musical: Nessa altura do campeonato Nine anda tão mal das pernas que nem sei se o filme tem todo esse potencial pra vencer. No entanto, o Globo de Ouro adora musicais (Dreamgirls e Sweeney Todd foram os mais recentes vitoriosos na categoria) e o super elenco pode influenciar bastante para uma vitória do filme de Rob Marshall. A surpresa pode ser (500) Dias Com Ela, um filme que é muito querido e tem uma legião de admiradores.

Melhor ator drama: Não adianta, sempre que George Clooney aparece ele está cercado de boas energias. Ou ele está ótimo mesmo (como em Conduta de Risco) ou está num filme que recebe grande apoio, como é o caso desse Amor Sem Escalas. Esse é um de concorrentes interessantes na categoria, mas aqui Clooney deve levar a melhor. Numa segunda opção, coloco Morgan Freeman, que tem um papel que normalmente favorece bastante, ainda que eu torça e acredite em um prêmio para o Colin Firth.

Melhor ator comédia/musical: Logo quando vi o nome de Daniel Day-Lewis nessa lista, dei uma risada alta e disse que, sem sombra de dúvidas, ele ia ganhar. Hoje já não tenho tanta certeza, mas acho que ele ainda é o mais provável vitorioso dessa categoria. Mas quem sabe não resolvem consolar o Matt Damon, já que ele vai perder mesmo na categoria de ator coadjuvante?

Melhor atriz drama: Não nego: Carey Mulligan pode estar mesmo maravilhosa em Educação, mas não creio que ela consiga grande repercussão nessa temporada de prêmios. O Globo de Ouro deve ser o único grande prêmio dela, já que Meryl Streep não concorre nessa categoria. É uma vitória quase certa. Quase, já que é bom ficar de olho aberto com a Sandra Bullock. De olho bem aberto, por sinal.

Melhor atriz comédia/musical: Não tem essa lorota de “divisão” de votos. Faz tempo que isso não acontece. Então, não vai ser nem um pouco difícil para a Meryl Streep ganhar seu sétimo Globo de Ouro, seja por Julie & Julia ou Simplesmente Complicado. Minha intuição diz que ela vai ganhar pelo filme de Nancy Meyers (até porque a premiação gostou bastante do filme, já que deu até uma indicação para o roteiro), mas acho extremamente complicado o Globo de Ouro contradizer todas as outras listas e não premiá-la por sua hilária representação de Julia Child.

Melhor ator coadjuvante: Christoph Waltz na cabeça. Tem apoio de todo mundo e realmente merece por sua extraordinária interpretação. Não dá nem pra cogitar a possibilidade de um outro concorrente, mas se fosse pra escolher alguém, eu escolheria Stanley Tucci. Ele é um dos atores coadjuvantes mais versáteis e ainda teve ótima aparição em Julie & Julia.

Melhor atriz coadjuvante: Chegou a hora da Julianne Moore e, com o Globo de Ouro, ela vai alçar vôo nas premiações. Mo’Nique, tão celebrada, tem um passado cinematográfico bem cretino e ultimamente anda falando mais do que devia (principalmente em seus comentários desdenhando o Oscar). Moore, por um outro lado, é tida como uma das grandes atrizes de sua geração e o fato de nunca ter vencido um prêmio importante pesa ao seu favor. Não quero acreditar que ela vá deixar de ser celebrada novamente. E principalmente por alguém como Mo’Nique.

Melhor diretor: James Cameron, além de levar o prêmio principal, também deve levar o prêmio de diretor pelas razões já citadas. Tá certo que até existe uma campanha para a Kathryn Bigelow ser a primeira mulher a ganhar algum prêmio relevante e para o Quentin Tarantino finalmente ser reconhecido como deveria, mas Cameron trouxe o grande espetáculo da temporada. E mesmo que eu não o admire tanto como a maioria, devo reconhecer que é o favorito e que tem sim os seus méritos.

Melhor roteiro: O Globo de Ouro, normalmente, costuma viajar na maionese nessa categoria e premiar alguém que ninguém esperava. Mas, na maioria das vezes, é uma boa surpresa. Bastardos Inglórios deve, portanto, levar a melhor. Não sou fã do roteiro (até acho o aspecto mais fraco do filme), mas o texto tem grandes momentos e um tratamento típico de Tarantino. É um grande feito, conseguir mexer com fatos históricos e ainda assim conseguir incluir um tom pessoal. Logo atrás, na minha opinião, vem Up in the Air.

Melhor Canção: Nessa categoria não tenho nenhum palpite formado, até porque, pra mim, é indiferente quem vai vencer. Não torço nem tenho simpatia por nenhum dos candidatos. Mas, seguindo o comercialismo do prêmio, u2 deve sair com a estueta para a canção feita para o longa Entre Irmãos. Desde que I See You não ganhe, já tá de bom tamanho.

Melhor trilha sonora: Tenho até medo de apostar nessa categoria, já que todas são trilhas que gosto muito. Minha torcida absoluta fica para a perfeita trilha de Abel Korzeniowski para O Direito de Amar. Como o Globo de Ouro adora novos talentos, aqui está uma oportunidade de premiar alguém merecedor até o último fio de cabelo. Mas se fosse para escolher uma opção mais óbvia, essa seria Michael Giacchino e seu trabalho em Up – Altas Aventuras.

Melhor Animação: Up – Altas Aventuras. Precisa dizer alguma coisa?

Melhor filme estrangeiro: Un Prophète. Sei lá, chutei.

_

e, pra quem se interessar, em breve as apostas de TV no Séries e Argumento.

13 comentários em “Apostas para o Globo de Ouro

  1. Tava fazendo umas continhas aí… e considerando os que tu chutou em segunda opção como “meio acerto”, tu somou 7 acertos… eu até somei um a mais, embora eu preferisse ter acertado menos, mas acertado em quem ganharia filme (ambos os gêneros), ator (ambos) ou diretor. Também errei quanto a Sandra, que como já comentei contigo, tá longe de estar brilhante… tava tudo indo bem até o prêmio de ator coadjuvante, chegou na direção, começou a cagar tudo… que saco esse globo de ouro…

  2. Olá galera do cinema e argumento, tudo bem? Adorei o blog de vocês!

    Sou colaborador do site cinedica.com.br e gostaríamos de comentar que no dia 17 de janeiro, as 22 horas, iremos agitar um bate papo em nosso site em função da cerimônia do globo de ouro e gostaríamos muito de contar com a presença de vocês e de seus usuários.
    Nosso site é feito por amantes e para amantes da sétima arte. Somos contra a pirataria e amamos falar sobre cinema.
    Dia 17 é um dia especial pois a cerimônia será mostrada ao vivo via canal TNT e não existe um lugar onde quem curte essa premiação possa debater via mensagens, os acontecimentos, ao vivo, que se seguem.
    Gostaríamos de saber se você pode nos ajudar com a divulgação desta nossa iniciativa.
    Nós rodamos a internet para encontrar sites interessantes e que fazem parte de nossa filosofia.
    Você pode conhecer um pouco desta idéia pelo link: http://www.cinedica.com.br/filmes/cinefest.php
    Desde já agradecemos e aguardamos uma resposta.

    Atenciosamente, equipe CineDica.

    rp@cinedica.com.br
    raphaelcamacho@gmail.com

  3. E aí Matheus, “cara”, eu acho que já estou um ótimo crítico de cinema por querer fazer CINEMA ou ARTES CÊNICAS (talvez os dois, por quê não?). Sinceramente … Gostei de seus favoritos a vencedores. Como nossos colegas CINÉFILOS e você mesmo disse, AVATAR é um forte concorrente, até porque depois que JAMES CAMERON fez TITANIC, ele anda querendo que seus filmes além de que sejam sempre os de maiores orçamentos, leve a maioria dos prêmios e ele anda muito caprichoso com o modo com que os faz: sempre inovando, então pode ser esse, mas lembrairmos que como nós mesmo sabemos, OS PRÊMIOS GLOBO DE OURO são dados pelos críticos e como podemos acompanhar por meios de comunicações, o mais provável deve ser “AMOR SEM ESCALAS” para MELHOR FILME (DRAMA), mas tudo pode acontecer. Na categoria MELHOR FILME (COMÉDIA OU MUSICAL) não temos o que dizer, deve ser NINE.
    Já na área de atuações, GEORGE CLOONEY ou MORGAN FREEMAN dele gahar como MELHOR ATOR (DRAMA). Como a atuação deles estão se destacando entre as melhores, isso nos deixa a dúvida de quem leva o OSCAR, porque com certeza deve ser um dos dois. Para quem não se lembra, MICKEY ROURKE foi o favorito no GLOBO DE OURO 2009, mas no OSCAR, SEAN PENN arrebatou aplausos por alguns segundos e era o favorito no TEATRO KODAK. A MELHOR ATRIZ (DRAMA) sinceramente não deveria ir para a inglesa CAREY MULLIGAN e sim para SANDRA BULLOCK ou HELEN MIRREN, mas ela é a favorita não é, apesar de eu não tirá-la dentre as melhores? DANIEL DAY-LEWIS é o favorito para MELHOR ATOR (COMÉDIA OU MUSICAL) na minha opinião e de todos os CINÉFILOS de verdade. A categoria MELHOR ATRIZ (COMÉDIA OU MUSICAL) é emplacada por atrizes vencedoras do OSCAR (menos SANDRA BULLOCK), e com a dupla indicação para MERY STREEP nesta categoria, suas chances são de 40%, levando em conta suas duas incríveis atuações, mas SANDRA BULLOCK fez este ano um excelente trabalho, então se ela ganhasse, eu não ficararia pasmo. O MELHOR ATOR COADJUVANTE deve ir para CHRISTOPH WALTZ, provavelmente, apesar de WOODY HARRELSON não ficar com os três de baixo. A MELHOR ATRIZ COADJUVANTE fica na dúvida! PENÉLOPE CRUZ que ano passado brigou com KATE WINSLET e não levou, pois a pesar de WINSLET ter feito uma atuação melhor do que a dela, não deveria ter sido indicada naquela categoria, pois era atriz coadjuvante, não atriz principal, ou ANNA KENDRICK, que além de participar da SAGA CREPÚSCULO, eu não imaginava que ela seria indicada a um prêmio desse suporte primeiro do que KRISTEN STEWART? OS MELHORES DIRETORES saem na frente pela briga, dois grandes CINEASTAS que já ganharam o OSCAR mais de duas vezes, JAMES CAMERON que tem três OSCARES e Clint Eastwood que tem quatro.

    De Álefe Santos, 16 anos.

  4. Engraçado que eu só vi um prêmio de melhor filme pro Avatar até agora, dentre dezenas de premiações… mesmo assim vem uma legião de fãs, assim como aconteceu com O Cavaleiro das Trevas, acreditando cegamente que ele ganha… Bom, não digo nem que não vá ganhar, e só então começar uma sequência de prêmios que justifique essas crenças, mas até agora ela ainda não começou…
    Minha dúvida por enquanto continua sendo como sempre foi, entre Amor sem Escalas e Guerra ao Terror… veremos se eu poderei, a partir do Globo de Ouro, colocar Avatar entre as minhas dúvidas para as premiações seguintes…

  5. Matheus eu ADOREI o que vc disse sobre o prêmio de atriz coadjuvante: é a hora da Julianne (quer dizer já passou da hora) ser reconhecida por seu brilhante trabalho. É óbvio que Mo’Nique surpreendeu com sua interpretação, mas como você mesmo destacou, ela esta desdenhando muito das futaras premiações, como o Oscar e isso foi o fim para mim.
    Julianne vem fazendo travalhos belíssimos, fortes, dignos de indicações e premiações a muito tempo, e agora é a hora de fazer justiça com essa grande atriz.

    Quantos aos outros prêmios você analisou muito bem, concordo com tudo, menos “Melhor filme comédia/musical”, que para mim será a grande surpresa da noite!

  6. Também acho que “Avatar” é o favorito na categoria de drama, mas realmente não sei em qual filme apostar entre as comédias/musicais.

  7. Realmente todo mundo viu, todo mundo gostou e todo mundo venera “Avatar”. Também acho que ele ganha os Globos de filme e direção.

  8. ‘Avatar’ – como você bem disse – agradou a todos, por isso leva sem pestanejar. ‘Nine’ é meu preferido, mesmo sem ainda tê-lo visto, mas eu conheço esse musical desde a broadway e meu amor não me deixa vê os erros apontados por todos, e se Dreamgirls ganhou, Marshall não deve se preocupar muito.
    Atores e atrizes você disse tudo, mesmo eu achando que Bullock tem verdadeiras chances de derrubar Carey. E você não gostou de ‘I See You’? Acho que ela seria até minha aposta de vitória no Oscar – rsrs

  9. Meus palpites:

    Melhor filme drama: Avatar
    Melhor filme comédia/musical: Nine
    Melhor ator drama: Jeff Bridges
    Melhor ator comédia/musical: Matt Damon
    Melhor atriz drama: Carey Mulligan
    Melhor atriz comédia/musical: Meryl Streep
    Melhor ator coadjuvante: Christoph Waltz na cabeça. (2) Melhor atriz coadjuvante: Mo’Nique
    Melhor diretor: Kathryn Bigelow
    Melhor roteiro: Tarantino
    Melhor Canção: The Weary Kind
    Melhor trilha sonora: James Horner
    Melhor Animação: Up – Altas Aventuras. Precisa dizer alguma coisa? (2)
    Melhor filme estrangeiro: The White Ribbon

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: